Passarela Divertida

TITULO Poucas coisas são tão divertidas quanto estourar plástico bolha. Impossível não dedicar alguns minutos para estourar cada bolhinha quando temos chance. Terapia para os adultos, descoberta para os pequeninos. Os bebês estão muito atentos a cada novidade que o mundo apresenta e trabalhar brincadeiras sensoriais é um caminho excelente para proporcionar estas experiências. Para brincar com plástico bolha, além deste material (aproximadamente 2 metros), você irá usar fita adesiva e aproveitar um corredor da sua casa. MATERIAIS

Corte o plástico bolha em uma largura suficiente para que seu filho possa caminhar, estenda no chão do corredor e prenda com a fita. É importante que esteja bem grudadinho e em toda volta para evitar que a criança escorregue durante a brincadeira. Parece muito simples, mas não é. Deixe primeiro que a criança explore sozinha o plástico bolha. Se o pequeno nunca tiver mexido no material, nem deve saber que aquelas bolhas estouram. A cada passo, a cada movimento, a criança vai aprendendo um pouco mais sobre o plástico bolha. E para os que engatinham, o foco inicial é ainda mais próximo e divertido, já que eles podem tocar as bolhas com as mãos e com os joelhos.

COMO BRINCAR

Dependendo do estágio de desenvolvimento da criança, é possível sugerir brincadeiras. Será que ela consegue passar correndo? Será que consegue passar bem devagar, quase sem estourar? Alguém aí arrisca uma cambalhota ou um rolamento? Não há limites para as brincadeiras. Outra opção interessante é convidar as crianças a escolherem brinquedos para interagir com o plástico bolha. Um carrinho de rodas largas certamente vai fazer bastante barulho, enquanto um boneco bem pequeno vai ter dificuldade para estourar muitas bolhas. É mais uma maneira divertida para que os pequenos entendam a dinâmica do material.

Dicas de limpeza para todas as necessidades da casa. Se você está combatendo as manchas, clique aqui e descubra como limpar quase tudo!