E assim começou o Carnaval

O Carnaval é considerado a festa mais animada do calendário, mas você sabe como essa folia começou? A data é aproximadamente 1800, e sua origem está ligada ao "entrudo" português, uma festa popular realizada nos 3 dias que precedem a entrada da Quaresma - período de 40 dias em que os cristãos fazem jejum de alguns alimentos para comemorar a ressurreição de Cristo.

As pessoas iam para as ruas usando máscaras – que era para não serem reconhecidas – e, jogavam ovos, farinha e água umas nas outras. Logo o entrudo chegou ao Brasil e, dai para a criação de blocos e cordões carnavalescos, foi um pulo. E com a “forcinha” da música, tudo ficava ainda mais animado. A primeira escola de samba brasileira surgiu no Rio de Janeiro, em 1928, e chama-se "Deixa Falar", que anos depois ganhou o nome de "Estácio de Sá". Nessa época não existia tanta estrutura como as escolas têm hoje, mas o importante mesmo era a diversão.

Cada cidade brasileira adaptou o Carnaval a sua cultura. Na região sudeste, o mais comum são os desfiles de escola de samba, com direito a carros alegóricos, bateria e muito mais. Embora os blocos de rua com marchinhas carnavalescas também sejam fortes nessa região. Já na região nordeste as manifestações de rua são mais comuns e o ritmo é o afoxé, mistura de música e dança afro, frevo e muito batuque. Em boa parte do mundo a festa é comemorada.

Na Inglaterra, no mesmo período, acontece o Shroveitide, onde as pessoas vão para as ruas celebrar. Em New Orleans, nos Estados Unidos, várias agremiações desfilam seus carros alegóricos pelas ruas.

Já em Veneza, na Itália, um Carnaval também muito tradicional, as pessoas usam máscaras para esconder os rostos e celebram em bailes. Gostaram de saber um pouco mais da história dessa festa? ;)  

Dicas de limpeza para todas as necessidades da casa. Se você está combatendo as manchas, clique aqui e descubra como limpar quase tudo!