A hora de dormir na casa do amiguinho

Dormir na casa do amiguinho pode se tornar uma experiência muito positiva e inesquecível para a criança, além de estar sinalizando um avanço no seu desenvolvimento. Apesar de muita gente achar, não existe uma idade ou um momento certo para que o pequeno passe a noite longe dos pais. O ideal é que a vontade parta da criança.

;) Segundo a psicóloga Ivone Lúcia Brito, “cada criança tem o seu tempo; existem aquelas que com aproximadamente quatro ou cinco anos ficam bem na casa do amigo, enquanto outras, com nove anos, não se sentem preparadas para dormir na ausência dos pais”. Também é importante ter certeza de que ela já possui algumas habilidades desenvolvidas, tais como: fazer o xixi no banheiro, não ter medo de dormir sozinha e ter conquistado certa segurança emocional.

Tudo certinho. Você já disse sim e o seu filho está ansioso e feliz com a “aventura”. Então preste atenção às dicas que trouxemos para que tudo corra de maneira agradável e feliz nesse momento tão especial: Hora de preparar a mala - Monte um nécessaire com escova e pasta de dentes, escova de cabelo, shampoo, condicionador, protetor solar, medicamentos e aparelho dentário (se estiver usando);

Coloque dois pijamas: um mais quentinho e longo e outro curto e fresco;

Meninos:

  • 3 cuecas
  • 2 pares de meias
  • 2 bermudas
  • 2 camisetas
  • 1 conjunto de moletom
  • 1 calça jeans
  • 1 camiseta polo
  • 2 pares de tênis (um sapatênis e um esportivo)
  • 1 par de chinelos
  • 1 sunga (se for nadar)
  • Boias e boné

Meninas:

  • 3 calcinhas
  • 2 pares de meias
  • 2 shorts, 2 camisetas
  • 1 conjunto de moletom
  • 1 vestido ou 1 jeans com uma bata
  • 1 par de sapatilhas
  • 1 par de tênis
  • 1 par de chinelos
  • 1 biquíni (se for nadar), boias e chapéu;

Muito importante:

Não se esqueça de acrescentar brinquedos para que ele possa dividir com o amigo e um objeto “de proteção” da criança, como um bichinho de pelúcia ou um travesseirinho. ;) Com a mala pronta, rumo à casa do amiguinho! O ideal, no início, é que o amigo não more longe, o que possibilita a você buscar o seu pequeno a qualquer hora. Ao chegar à residência

Converse com quem ficará responsável pelo seu filho e informe-o sobre os rituais de sono do seu pequeno, como dormir com alguma luz acesa, e sobre suas preferências alimentares;

Informe a pessoa da sua capacidade e/ou limitação na hora de fazer a higiene pessoal, por exemplo, se ele toma banho sozinho.

Durante a noite

Telefonar para dizer boa noite é recomendável, desde que seja apenas um telefonema e que você combine antes o horário tanto com o pequeno como com a família do amiguinho; No caso de, na hora H, a criança querer voltar para casa, os pais devem ser companheiros e amparar seu filho. É necessário que a criança se sinta segura para tentar outra vez.

Nesse caso, fale sobre um acontecimento parecido com alguém da família para incentivar a criança a não desistir da ideia. Assim, ela irá aprender desde pequena a lidar com a frustração de maneira natural. ;)

Dicas de limpeza para todas as necessidades da casa. Se você está combatendo as manchas, clique aqui e descubra como limpar quase tudo!