Brincar livremente é importante: conheça a nossa pesquisa

Especialistas na área da educação vêm alertando sobre o a diminuição do tempo das crianças para brincar ao ar livre e sobre a falta de brincadeiras que permitam às crianças explorar diferentes materiais, espaços e recursos e se sujar. Para esses especialistas, sem brincar livremente as crianças correm o risco de não desenvolver habilidades importantes para a vida adulta.

A importância do brincar

Para entender melhor essa questão, OMO realizou o estudo Valor do Brincar Livre em 10 países*, com mais de 12 mil pais de crianças entre 05 e 12 anos para descobrir o que eles acham da brincadeira ao ar livre e para entender melhor como é a rotina dos seus filhos. Veja o que descobrimos:

- 1 em cada 10 crianças nunca sai para brincar ao ar livre, de acordo com a pesquisa. 

- Pouco mais da metade (56%) passa 1 hora ou menos brincando fora de casa. 

- 50% das crianças passam mais tempo em frente à tela dos eletrônicos do que ao ar livre.

É por isso que lançamos o movimento #LivreParaDescobrir. Queremos que os pais juntem-se à nossa iniciativa, pois eles sabem melhor do que ninguém o que é melhor para os seus filhos. Não deixe de compartilhar conosco o que você pensa sobre o brincar ao ar livre!

Conheça nossos especialistas

  • Doutor Stuart Brown. Reconhecido mundo a fora por defender a importância da brincadeira física no desenvolvimento infantil. Segundo ele, brincar e se sujar em atividades ao ar livre trazem benefícios para a saúde e o bem estar da criança. Neste vídeo aqui, ele explica porque brincar vai além da diversão. Confira!

  • Priscila Cruz. Graduada em Administração (FGV) e Direito (USP), mestre em Administração Pública (Harvard Kennedy School), foi coordenadora do Comitê do Ano Internacional do Voluntário no Brasil. É uma das criadoras do Instituto Faça Parte, que incentiva projetos de voluntariado desenvolvidos por estudantes e conectados com proposta pedagógica. Priscila Cruz é presidente-executiva e ajudou a fundar o movimento Todos Pela Educação, organização sem fins lucrativos criada em 2005 por um grupo de líderes empresariais, e é colunista do UOL Educação. Priscila é um importante nome na defesa dos direitos de crianças e adolescentes. Foi vencedora do Prêmio Jovens Lideranças 2012 na categoria Educação, premiação promovida pelo jornal O Estado de S. Paulo. 

  • Vital Didonet. Filósofo, pedagogo, mestre em educação e especialista em educação infantil. Tem seu nome diretamente ligado à construção de políticas públicas de educação e à defesa dos direitos das crianças. Afirma que o brincar é uma atividade social e cultural. Defende que o desenvolvimento infantil e juvenil seja um dos eixos das políticas públicas, ressaltando a importância da construção de espaços de lazer e de iniciativas como a organização de jogos e atividades para famílias.    

 

*Estudo conduzido por Edelman Berland, agência independente de pesquisa de marketing. Levantamento realizado entre fevereiro e março de 2016 nos EUA, Brasil, Reino Unido, Turquia, Portugal, África do Sul, Vietnã, China, Indonésia e Índia.  

 

Dicas de limpeza para todas as necessidades da casa. Se você está combatendo as manchas, clique aqui e descubra como limpar quase tudo!